Postagens

Mostrando postagens de Setembro, 2010

Post Websinder com meus comentários

O tempo do livro impresso passou27 de agosto de 2010, 12:48O livro impresso serviu seu propósito como suporte durante muitos séculos. Em torno dele se fez uma indústria, que hoje é nociva aos interesses das pessoas. Você concorda?PorCarlos NepomucenoLivros em uma estante são apenas literatura em potencial.
C. S. Lewis, dacoleção de frases.Recebo de umamigovirtual a seguinte mensagem depois de ter postado isso noTwitter:Existe algo + s/ sentido do q "Bienal do Livro"? Ñ seria "Bienal das ideias presas noslivros"? Protesto: "Libertem as ideias!". Concordas?Ele me manda: Eu entendo tua posição sobre o "formato". Mas livro é uma relação de cumplicidade, de intimidade que é difícil desqualificar. Claro que hoje eu sou adepto do debate, do aprender observando as ideias livres ao vento, compartilhamento, etc. Mas nem por isso deixo de lado o êxtase sensorial que é ler um livro sentado na cadeira enquanto tomo sol no quintal.Vamos…

Matuto vendedor...

Salve Galera, sei que essa é velha, mas faço questão de deixar registrado em meu blog, porque além do lado comico mostra como realmente vender, ao contrario de quando é o cliente que compra. ------

Um matuto inteligente vindo da roça se candidatou a um emprego numa grande loja de departamentos da cidade. Na verdade era a maior loja de departamentos do mundo, tudo podia ser comprado nessa loja.

O gerente perguntou ao rapaz:

- Você já trabalhou alguma vez na vida?

- Sim, eu fazia negócios na roça.

O gerente gostou do jeito simpático do matuto e disse:

- Pode começar amanhã, e no final da tarde venho verificar como você se saiu.

O dia foi longo e árduo para o rapaz.

Às 17:30 o gerente se acercou do novo empregado para verificar sua produtividade e perguntou: - Quantas vendas você fez hoje?

- Uma !

- Só uma?! A maioria dos meus vendedores faz de 30 a 40 vendas por dia.

De quanto foi a venda que você fez?

- Dois milhões e meio de Reais !

- Como você conseguiu isso

- Bem, o cliente entro…