quarta-feira, 31 de julho de 2013

Lançado LibreOffice 4.1

Como apoiador da Suiíte LibreOffice, segue as notas de versão do Libre Office 4.1, lembrando que vale a pena o download desta suíte e usa-la em detremimento da suíte microsoft office, afinal esta é gratúita, segue as notas diretamente do site da The Document Foundation, responsável pelo LibreOffice, www.libreoffice.org

LibreOffice 4.1

As seguintes notas são pertinentes:

  • A distribuição para o Windows é internacional, de forma que se pode escolher o idioma da interface do usuário de sua preferência. O conteúdo da Ajuda está disponível como serviço na internet ou pode ser baixado separadamente e instalado no seu computador.
  • Nossos binários para o Windows são assinados digitalmente por The Document Foundation.
  • Para os usuários do Windows que tenham o OpenOffice.org ou BrOffice.org instalado, recomendamos desinstalar estas suítes primeiro, porque o LibreOffice registrará as mesmas associações para os tipos de arquivos.
  • Se for usuário do sistema operacional Linux, a variante Java GCJ apresenta problemas para o LibreOffice. Recomendamos utilizar o OpenJDK em seu lugar.
  • O LibreOffice contém todos os reparos de segurança do OpenOffice.org 3.3.0, e talvez muito mais por conta da refatoração do código.
  • LibreOffice 4.x não tem suporte para algumas características muito obsoletas, incluindo suporte para arquivos legados binários do StarOffice, exportar para o legado do Word e Excel (versão 6.0/95), e o legado de gestão de documentos ODMA.
  • Alguns itens do menu foram alteradas ou adicionadas. Se você perder alguma coisa, isso pode ser devido ao uso de configurações personalizadas do menu de instalação da versão anterior do LibreOffice.
  • O Microsoft Office 2010 irá reclamar que os documentos escritos pelo LibreOffice com o padrão ODF 1.2 e 1.2 estendido são inválidos (mesmo assim irá abri-los). Este é um defeito do Microsoft Office 2010 que só tem suporte para o ODF 1.1. Em resumo:
    • O LibreOffice 4.1 grava ODF 1.2 válido.
    • O aviso do Microsoft Office pode ser ignorado com segurança, e a opção "Reparar" importará o documento.
    • Para os usuários que considerarem este aviso inconveniente, uma forma de contornar o incômodo é abrir o menu Ferramentas -> Opções -> Carregar/Salvar -> Geral e definir a "Versão do formato ODF" para "1.0/1.1". Note todavia que este recurso causará perda de algumas informações ao salvar os documentos.
Postar um comentário